30 de março de 2011

*

Eu não poderia contar quantas lagrimas e quantas vezes eu chorei, só posso te dizer sinceramente que foi dificil sem você. Fingi que não te amava mais, me enganei, me enrolei e sofri com outras paixões, á toa. E tudo isso pra tentar me conformar que o Eu & você pra sempre que eu criei que talvez você um dia também tenha criado não existia mais. Eu tentei destruir tudo que existia de você em mim, exatamente tudo, mas eu confesso que não consegui, e hoje você voltou me deixou sem noção, sem reação, percebendo que toda a infelicidade que passei longe de ti foi em vão, que o tempo todo eu só devia ter sentado e te esperado chegar pela mesma porta que acabou de entrar agora.



Um comentário:

♥ Luciana Mira ♥ disse...

Eu sei exatamente o que é isso. Ficou lindo seu texto! Bjus