28 de fevereiro de 2010

Eu disse que você de alguma forma iria está aqui



Cruzamos nossos olhares tivemos amigos em comum e eu o conhecia de algum lugar

Naquela noite ele foi super legal comigo, no fim da festa eu estava sozinha, e ele não me largou ali foi gentil, mostrou-se diferente. Deixou seus amigos para me fazer compania até o ponto proximo dali, Ele tirou as lagrimas de meu olhar e me pois um sorriso. Era madrugada não se passava mais ônibus, e meu namorado havia me abandonado. Então ficamos só noos dois sentamos contando sobre nos, contamos segredos, revelamos algo. Quando um beijo ia rolando e eu desviei, nãao eu não podia me entregar de novo, não eu não podia me iludir então recuei e me afastei dele, ele suavemente disse não precisa ter medo, mais eu já estava .. Ele se aproximou de novo quando olhei para trás la vinha o onibus dei um abraço bem forte nele disse Muito obrigada e falei que nunca iria esquecer dele.
Subi no ônibus e segui meu caminho de volta pra casa.
E hoje o vejo nos palcos da vida cantando e tocando, trazendo alegria pra um monte de gente. 
Ele tão especial, assim derrepente

Nenhum comentário: