16 de janeiro de 2011

Entre diálogos ..



Disse ela com lagrímas nos olhos:
- A gente precisa parar por aqui.
Ele meio confuso coçando a cabeça dizia:
- Porque parar por aqui? você não me quer mais?
Ela tentando não chorar, tentando disfarçar dizia:
- não é que eu não te queira mais, querer eu quero
mas é que se não pararmos agora, a unica pessoa
que vai sair machucada, magoada sou eu
e eu não to muito afim de sofrer, me entende?
Ele com seu instinto respondia:
- Eu até entendo, eu acho.
O silêncio rolava no ar, não vinha nada na cabeça
um do outro para dizer, mas os dois sabiam
que bem lá no fundo queriam ficar juntos
custe o que custar.
Então ela começou a chorar, não aguentou
ele a abraçou aquele abraço bom, gostoso que
só ele sabia dar.
Ela disse bem baixinho em seu ouvido:
- Eu gosto de você. E acho que esse foi o grande problema,
eu ter me apaixonado tão derrepente, desculpa eu sou fraca
eu sempre te disse.
Ele sorrindo e acariciando teu rosto dizia:
- você não errou, eu também gosto de você, mas é que ...
- tá vendo eu não quero ser mais uma na sua vida,
mais um problema vamos parar por aqui. Espero que fique bem
como está, felicidade em tudo.
E virando as costas saiu correndo fechando o portão da sua casa,
trancando em seu quarto e se derretendo em lágrimas.
Ele gostava sim realmente dela, mas acredita
que esse não era o tempo, essa não era a hora deles.
Então a soltou, a deixou livre para partir.

Um comentário:

Hαllαnα Soαres disse...

amei o texto, muito lindo *-*